Como escolher um manipulador telescópico

Os manipuladores telescópicos são equipamentos práticos e versáteis. Dotados de um braço telescópico articulado e de rodas, permitem executar a movimentação vertical e horizontal de cargas pesadas e/ou volumosas com grande estabilidade. São usados em diferentes setores, designadamente na agricultura, na indústria, em obras públicas e na construção civil. Em Portugal, são mais conhecidos por multicarregadoras telescópicas. Os manipuladores telescópicos têm, na sua grande maioria, tração nas 4 rodas, sendo por isso capazes de operar em qualquer tipo de terreno.

Manipuladores telescópicos: ver produtos

  • Como escolher o manipulador telescópico mais adequado?

    Para se assegurar de que opta por um modelo adequado ao trabalho previsto, convém ter em conta os seguintes fatores:

    • tipo de movimentação: se o manipulador será usado para carregar e descarregar ou para transportar/mover cargas.
    • características da carga: a escolha do manipulador varia de acordo com o tipo e o peso das cargas que deverá movimentar.
    • capacidade de elevação: trata‑se do peso máximo que o equipamento pode içar.
    • altura de elevação da lança: assegure‑se de que é compatível com a altura máxima onde será necessário posicionar as cargas ou de onde estas deverão ser retiradas. No mercado, estão disponíveis modelos com alturas de elevação até 17 metros.
    • alcance horizontal: trata‑se da distância máxima alcançada na horizontal com a lança estendida. Verifique qual a capacidade de carga do equipamento no alcance máximo, que é sempre inferior à sua capacidade de carga com a lança recolhida.
    • tipo de manipulador telescópico: dependendo do tipo de movimentação que pretende efetuar, poderá escolher um manipulador rotativo ou um manipulador fixo.
    • dimensões do manipulador telescópico: confira o comprimento, a largura e a altura do equipamento para garantir que este possa mover-se facilmente no espaço onde deverá operar.
    • ambiente de trabalho: importa ter em conta se o manipulador será usado num ambiente interno ou externo, qual o tipo de piso ou terreno e se deverá operar em espaços limitados ou em áreas de difícil acesso.
  • Quais as vantagens e desvantagens dos manipuladores telescópicos?

    Os manipuladores telescópicos apresentam diversas vantagens, mas também algumas desvantagens.

    Vantagens:

    Com tração em todas as rodas, os manipuladores telescópicos podem ser usados em todos os tipos de pisos e terrenos. Destacam‑se, também, pela sua grande flexibilidade de uso e variedade de aplicações, graças aos diversos acessórios e implementos que podem ser acoplados à máquina, como garfos e plataformas de trabalho aéreo. Além disso, permitem mover cargas pesadas a grandes alturas e ao longo de distâncias relativamente grandes. Por último, salienta‑se que estes equipamentos podem ser usados para trabalhar em espaços urbanos limitados.

    Desvantagens:

    Os manipuladores telescópicos são sobretudo utilizados em ambientes externos por serem máquinas de grandes dimensões,
    em especial as versões a diesel.
    Existem modelos mais compactos para uso interno, mas o seu preço é significativamente mais elevado.

  • Quais os diferentes tipos de manipuladores telescópicos?

    Podemos distinguir dois tipos principais de manipuladores telescópicos: os rotativos e os fixos. Embora existam grandes diferenças entre eles, como explicaremos mais adiante, podemos encontrar em ambos diferentes tipos de direção: direção nas quatro rodas, direção tipo caranguejo ou direção nas duas rodas dianteiras.

     

    • Manipuladores telescópicos rotativos
    Manipulador telescópico giratório da MERLO SPA

    Manipulador telescópico rotativo da MERLO SPA

    Nos manipuladores telescópicos rotativos, também ditos giratórios, o corpo do veículo permanece fixo, mas a cabine e a lança podem girar 360 graus.

    Os manipuladores rotativos oferecem diversas vantagens. São fáceis de manobrar e ideais para a movimentação de cargas em áreas de difícil acesso e em terrenos acidentados. Consoante os modelos, o alcance da flecha pode chegar aos 46 metros e a capacidade de carga do manipulador às 45 toneladas.

    Estes equipamentos são amplamente utilizados no setor da construção civil pois, graças à sua capacidade de giro, conseguem alcançar áreas de difícil acesso.

     

    • Manipuladores telescópicos fixos
    Multicarregadora telescópica compacta JCB

    Manipulador telescópico compacto da JCB

    Os manipuladores telescópicos fixos têm uma cabine fixa e um braço articulado. A capacidade de elevação e o alcance variam conforme os modelos:

    Manipuladores supercompactos: mais leves, oferecem uma pequena capacidade de elevação (até 2,5 toneladas) e alcance limitado (até 5,6 metros).

    Manipuladores compactos: podem içar cargas até 4 toneladas e têm um alcance máximo de 10 metros.

    Manipuladores convencionais: podem içar cargas até 4 toneladas e têm um alcance máximo de 20 metros. São bastante utilizados no setor industrial.

    Manipuladores para cargas pesadas: podem içar cargas até 7,2 toneladas, mas têm um alcance máximo limitado a 10 metros. São especialmente indicados para o transporte de cargas pesadas, por exemplo, em canteiros de obras.

  • Quais as aplicações dos manipuladores telescópicos?

    Os manipuladores telescópicos são equipamentos versáteis, adequados para executar quatro tipos principais de trabalhos:

    • Carregamento e descarregamento de caminhões
    • Transporte de cargas em ambientes internos ou externos
    • Movimentação e armazenamento de mercadorias
    • Trabalho em altura

    São usados em diferentes setores:

    • Construção civil
    • Agricultura
    • Indústria
  • Quais os diferentes acessórios e implementos dos manipuladores telescópicos?

    Há diversos acessórios e implementos que podem ser acoplados à lança de um manipulador, o que lhe confere uma grande versatilidade de uso. Destacamos aqui alguns dos principais:

    Garfo: para transportar paletes e descarregar caminhões

    Manipulador de tambores ou manipulador de bobinas

    Spreader: para contêineres

    Caçamba: para transporte de materiais a granel, como areia ou pedras, ou ainda remoção de entulho e aterro para terraplanagem em canteiros de obras

    Plataforma de trabalho aéreo (PTA): para elevar pessoas e ferramentas com vista à realização de trabalhos em altura

GUIAS RELACIONADOS
1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (1 votes, average: 1.00 out of 5)
Loading...
Ainda não há comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será visível. Os campos de preenchimento obrigatório estão assinalados com *